Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global

Tema:Ecoturismo
Autor: Redação 360 Graus
Data: 11/12/2014

Quando o Brasil foi descoberto, a região do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, entre a foz do rio Macaé e a do rio Paraíba do Sul era ocupada pelos índios Goitacazes.

O nome do local é oriundo do tupi, composto por jeribá (uma espécie de palmeira) e tiba (porção), portanto significando terra de jeribás, ou mais apropriadamente, terra de plantas espinhosas.

Originalmente, o nome era grafado Jerebatiba. Depois dos índios Goitacazes terem sido dizimados em lutas que uniram os portugueses do Espírito Santo com os índios cristianizados de São Pedro da Aldeia, a região foi doada em sesmarias aos Sete Capitães.

As terras de restinga ficaram intocadas no seu interior porque em torno havia terras muito melhores, seja os campos utilizados para pecuária, seja os solos podzólicos (massapê) bem irrigados onde se planta cana-de-açúcar.

Recentemente, a expansão da indústria turística gerou a ocupação com casas de veraneio nas praias de Carapebus (lagoa de Carapebus), João Francisco (lagoa de Piripiri) e Visgueiro (lagoa do Visgueiro). Também iniciou-se o aproveitamento "das areias" com plantações de coco e abacaxi.

Outro aspecto foi a expansão de campos plantados para criação de gado.

Com o incentivo de várias organizações e pessoas que defendiam a proteção da região, o Parque Nacional de Jurubatiba foi reconhecido em 1992 como reserva da biosfera pela UNESCO num estudo assinado por 126 cientistas e criado por lei federal em 1998.

Em toda a sua extensão, existem praias virgens. Como é um Parque Nacional recente, ainda não possui plano de manejo. Portanto as visitas são feitas mediante o acompanhamento de guias turísticos ou em veículos de agentes do IBAMA

Área de extrema relevância para a pesquisa cientifica, o Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba constitui-se em verdadeiro laboratório natural.

Atualmente, o trabalho na area envolve mais de 130 pesquisadores brasileiros e estrangeiros, representando 12 instituições.

Nesta reportagem:

» Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
» Mais importante Restinga do Sudeste Brasileiro
» Um parque novo e único. Refúgio essencial de variadas espécies





© Copyright 1998 - 2012 - 360 GRAUS MULTIMÍDIA
Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na Internet, sem autorização mesmo que citada a fonte.

Compartilhe:


Livros:

Equipamentos:

  • Parati: charmosa, elegante e cheia de histórias de aventuras
    Lugares
    Parati: charmosa, elegante e cheia de histórias de aventuras
  • Parque Nacional de Monte Roraima
    Parques
    Parque Nacional de Monte Roraima
  • Rota dos Sonhos: trilhas, cultura e muita aventura
    Lugares
    Rota dos Sonhos: trilhas, cultura e muita aventura
  • Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
    Parques
    Parque Nacional Marinho dos Abrolhos
  • Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
    Ecoturismo
    Parque da Restinga de Jurubatiba. Equilíbrio Biológico Global
  • Penedo: conheça a bela 'pequena Finlândia' do Brasil
    Ecoturismo
    Penedo: conheça a bela 'pequena Finlândia' do Brasil